sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Para não dizer que não falei de flores

Quando Pete Seeger compôs esta canção no início dos anos 1960, menos de duas décadas haviam se passado desde o final da II Guerra Mundial. A Guerra do Vietnã ainda não havia começado. Kruschev e Fidel negociavam em segredo seus acordos e apoios mútuos, enquanto Che sonhava em bombardear os EUA. Kennedy e Che estariam mortos, cravados de balas, em menos de 8 anos. A revolução cultural de Mao começaria dali a pouco.
Aqui no Brasil, Vandré ainda não falara de suas flores.

"When will they ever learn?"


Marlene Dietrich, 1968

Um comentário:

Pai disse...

They and we, will never, ever learn...
Pai.